NYHC 1980-1990: uma história oral sobre o hardcore nova-iorquino

Quando se fala em NYHC, logo se vem à mente bandas como Sick Of It All e Madball, entre outras, que, de fato, são algumas das maiores representantes do estilo. Mas, as origens do gênero são bem mais complexas e, entre a transição entre um primeiro cenário punk mais glam, artístico e festivo e um segundo cenário hardcore mais nervoso – incluindo os segmentos skinhead, crossover e straight edge -, existem pérolas musicais obscuras e histórias incríveis. E é justamente esse período que o jornalista Tony Rettman cobre em seu livro “New York Hardcore 1980-1990” (Bazillion Points).

Trata-se da história oral de um dos desdobramentos mais contundentes do punk, justamente onde tudo começou: Nova Iorque. As regiões do Lower East Side e do East Village, algumas casas de shows e personagens aqui presentes, são as mesmas descritas em outra obra literária: “Please Kill Me” (Grove Press), de Legs McNeil e Gillian McCain. Faz todo sentido, então, ler os dois livros na sequência, pois onde um termina, o outro se inicia – de forma linear, mas em um ramo específico dessa vasta árvore genealógica.

Em bandas como Heart Attack e Kraut, por exemplo, é possível perceber nitidamente a transição da sonoridade de uma geração para outra. Harley Flanagan, então o juvenil baterista do Stimulators, é outra figura chave do período. Assim como momentos impactantes como a revolucionária ida do Bad Brains para a cidade; o tempo fechando com Urban Waste, The Mob e Agnostic Front; o gênero transbordando do underground e se misturando com o metal; as tendências hare krishna e straight edge. Tudo isso é narrado no livro de Tony Rettman por quem fez parte da história e tem toda a autoridade do mundo sobre o assunto. “New York Hardcore 1980-1990” torna-se, portanto, leitura obrigatória para uma melhor compressão da época.

Facebook

Sons: 

The Stimulators – Loud Fast Rules

Heart Attack – God Is Dead

Agnostic Front – United And Strong

Bad Brains – Live at the CBGB’s 1982 (Full Concert)

Um texto de Frederico Borges

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s