Dois documentários que valem a pena serem assistidos

Recentemente assisti dois documentários que achei bem interessante, vale mesmo a pena conferir.

O primeiro é o Not Quite Hollywood: The Wild, Untold Story of Ozploitation!, aqui no Brasil recebeu o nome de “Além de Hollywood: O Melhor do Cinema Australiano”. Dirigido em 2008 por Mark Hartley o documentário mostra a produção de filmes de baixo orçamento feitos na Austrália e que foram apelidados de Ozyploitation. Contando com depoimentos de Quentin Tarantino, confesso fan de filmes do gênero.

Explorando como este gênero influênciou a produção de filmes de terror e ficção, além de terem exemplares tão bons quanto os americanos ou porque não até melhores.

Quem curte cinema de terror, ação, violência, palavreado chulo, cenas picantes de sexo e quer aprofundar seus conhecimentos em filmes australianos, não pode deixar de assistir este documentário.

1 – Além de Hollywood: O Melhor do Cinema Australiano”

O outro documentário é sobre um escritor norte americano que não é muito falado, mas que tem uma absurda influência na literatura e no cinema de terror americano. O documentário aborda a vida e obra de Howard Phillip Lovecraft.

Criador do universo envolvendo os “Mitos de Cthulhu” entre tantos outros contos memoráveis.

Dirigido em 2008 por Frank H. Woodward, o documentário conta a vida problemática do jovem Lovecraft e posteriormente a repercussão disso na sua vida adulta, conta também os seus ideais políticos e sociais. Como não poderia deixar de ser, explora o mais importante, a sua vasta literatura e a sua grande influência que seus contos teveram para os mais variados aspectos da cultura norte americana, cinema, música, literatura e o RPG, entre outras formas de apropriação de suas histórias. Até seitas apocalípticas foram criadas baseadas em seus escritos.

Com depoimentos de Neil Gaiman e Guilhermo Del Toro.

2 – Lovecraft: Fear of the Unknow

Para quem quiser ver todo o documentário com legendas em espanhol.

Igor C. Bersan

Anúncios

Um pensamento sobre “Dois documentários que valem a pena serem assistidos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s